ALERTA DE FRIO

FRIO NO BRASIL: Inmet emite alerta de risco à saúde por conta de frio intenso; saiba o que fazer para se proteger

Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou recordes de temperaturas em alguns estados nesta quinta-feira (19); Queda brusca no termômetro deve continuar até este fim de semana

Anderson Alves
Anderson Alves
Publicado em 19/05/2022 às 14:21 | Atualizado em 19/05/2022 às 14:22
Notícia
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Brasília registrou baixas temperaturas. - FOTO: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Leitura:

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta na quarta-feira (18), devido à uma queda brusca de temperatura em algumas regiões do país que podem causar graves riscos à saúde.

Ao todo, 11 estados e inclusive o Distrito Federal, estão na zona de perigo. O aviso segue até as 23h da sexta-feira (20)

O ciclone subtropical Yakecan, que vem causando essas grandes mudanças climáticas, começou a se afastar do litoral brasileiro e foi descartada a possibilidade de um furacão atingir o país.

..

ALERTA DE FRIO INTENSO NO BRASIL

De acordo com o alerta, as temperatura devem permanecer 5ºC abaixo da média pelo período de 3 a 5 dias.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o ciclone já passou pelo litoral do Rio Grande do Sul, provocando ventos de 96 km/h, no município de São José dos Ausentes, e, neste momento, segue em direção aos estados de Santa Catarina, Paraná e São Paulo, com menos intensidade do que o previsto e se afastando da costa.

PREVISÃO DO TEMPO

Chegou hoje ao Distrito Federal a massa polar de ar vinda do Sul. O DF registrou mínima de 8,7°C. As temperaturas devem continuar caindo nos próximos dias, chegando até a 5ºC amanhã, segundo previsão do Inmet.

Onda de frio vai chegar em Pernambuco? Veja o que diz meteorologista

O que fazer para se proteger do frio?

A Defesa Civil soltou um comunicado com orientações à população para que se protejam do frio.

Confira as recomendações:

  • Tenha especial atenção com crianças, idosos e pessoas doentes;
  • Mantenha-se agasalhado. Proteja também as extremidades do corpo, use toucas e luvas;
  • Beba bastante líquidos;
  • Evite manter os ambientes muito fechados. Mantenha sua casa e local de trabalho limpos e arejados. Previna-se contra doenças respiratórias.
  • Procure agasalhar seu animal de estimação. Considere o uso de roupas de proteção. Abrigue o em relação ao vento. Forre adequadamente o local de dormir;
  • Seja solidário. Doe agasalhos e cobertores para quem precisa. Carregue, se possível, esse material no carro;
  • Se precisar permanecer ao ar livre, proteja-se do vento.

 

Comentários

Mais Lidas